Brasil

Primeira surdocega a se formar em universidade da BA celebra conquista e quer ser professora: ‘proporcionar acessibilidade’

 

Após oito anos de estudo e obstáculos vencidos, a baiana Janine Farias, de 30 anos, se formou em pedagogia na cidade de Barreiras, no oeste da Bahia, durante o mês de setembro. De acordo com a Universidade Estadual da Bahia (Uneb), ela é a primeira pessoa surdocega a receber um diploma na instituição.

Janine ingressou no curso em 2015, através das vagas de ampla concorrência, ou seja, vagas que não são reservadas para candidatos que se enquadrem na Lei de Cotas ou com deficiência.

A comunicação na sala de aula era feita de duas formas: ela fazia a escrita e leitura dos textos escritos em braile, enquanto a interação com professores e colegas era mediada por intérpretes, que se comunicavam com a estudante através da língua de sinais tátil – a língua de sinais feita com toque.

Após a formatura, o sonho não termina, só fica maior: Janine pretende fazer mestrado e prestar concurso para professora.

“Quero fazer mestrado e vou aproveitar os editais para melhorar minha profissão como professora. Também vou estudar para concursos, para trabalhar como professora brailista. Quero proporcionar acessibilidade”, explicou.

Fonte: G1

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo