Bahia

Oeste: Justiça Eleitoral decreta toque de recolher cinco dias antes das eleições

A Justiça Eleitoral determinou toque de recolher na cidade de Luís Eduardo Magalhães, das 22h até as 5h, entre os dias 10 e 14 de novembro, devido ao elevando número de casos positivos de contaminação pelo novo coronavírus.
Segundo o Jornal O Expresso, o município é o segundo em número de casos na região Oeste da Bahia. A justiça acatou pedido do Ministério Público Eleitoral que, por sua vez, se baseou em parecer técnico da Secretaria Estadual de Saúde, que orientou sobre as medidas necessárias para enfrentar o atual estágio de infecção na região.
A justiça enviou comunicado a todas as coligações que disputam as eleições municipais de 2020, estipulando multa de 200 mil para o descumprimento das determinações legais. Além das coligações, a justiça comunicou a decisão à Guarda Civil Municipal, à Polícia Federal e às polícias Civil e Militar.

Ainda segundo O Expresso, poderão manter o funcionamento regular, segundo a Justiça Eleitoral, as farmácias, as unidades de saúde, serviços de segurança privada, serviços funerários, postos de combustíveis, clínicas veterinárias para atendimento de urgências e emergências, representação judicial e extrajudicial, assessoria e consultorias jurídicas e diligências, atividades industriais e logística do agronegócio, entrega de gás e água, o funcionamento do serviço de delivery, bem como os serviços públicos relacionados à segurança pública, saúde, proteção e defesa civil, fiscalização, arrecadação, limpeza pública, manutenção urbana, transporte público, energia, saneamento básico e comunicações.

Fonte: Lapa Oeste

Para cima