Bahia

Mais de 400 delegados de polícia decidem entregar os cargos na Bahia

O Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado da Bahia (ADPEB) informou, nesta quarta-feira (18), que mais de 400 delegados fizeram a entrega de seus cargos comissionados em todo o estado. Os servidores ainda se comprometeram a não assumir os que ficarem vagos. Ofícios sobre esta decisão serão entregues na Governadoria.
A manifestação da classe ocorre, segundo a ADPRB, devido ao tratamento que a categoria vem recebendo do governador Rui Costa. O sindicato afirma que o gestor adotou uma postura de “absoluta intransigência” e se fecha para o diálogo aberto com os servidores policiais civis do estado.

Os sindicalistas apontam que inúmeras reformas legislativas aniquilaram os direitos de todos os servidores, o que os conduziu à posição de pior remuneração da categoria em todo o país. Também ressaltaram as condições “insalubres” em que as unidades policiais da Bahia se encontram.

“Toda e qualquer tratativa feita até o presente momento com os interlocutores, que, preocupados com a decisão da classe, se colocaram à disposição, não foi suficiente para fazê-lo admitir a gravidade da situação, o que deixa cristalino o fato de que a segurança pública em nosso estado nunca foi preocupação do governador Rui Costa”, diz a ADPRB, em nota. “Esta entidade de classe atuou incessantemente nos bastidores visando preservar os interesses dos delegados, apelando ao bom senso e à reponsabilidade de quem detém o poder de decisão, porém nada nem ninguém conseguiu fazer Rui Costa sair do seu pedestal para ouvir os servidores.”

Fonte: Caetano Augusto

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo