Guanambi: Mãe e filha foram amarradas com as próprias roupas em duplo homicídio, diz delegado

Guanambi: Mãe e filha foram amarradas com as próprias roupas em duplo homicídio, diz delegado

Um homem de 36 anos foi preso acusado de ser o autor do duplo homicídio que vitimou mãe e filha na BR-030, no trecho da cidade de Guanambi, a 141 km de Brumado. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o delegado responsável pelo caso, Rhudson Silva Barcelos, considera o crime elucidado. “Temos provas contundentes de que não houve a participação do filho do acusado. Podemos afirmar categoricamente que o autor dos homicídios foi o acusado preso”, afirmou. Segundo o delegado, durante o interrogatório, o acusado relatou que, inicialmente, pretendia estuprar as vítimas, tanto é que as mesmas foram encontradas sem as roupas de baixo. “Ele é um homem de 1,85 m, de compleição física forte, avantajada. Pegou as duas pelos braços. Possivelmente, estava com algum simulacro de arma ou alguma arma branca que utilizou pra ameaçar elas. Entrou cerca de 200 metros na mata, despiu as calças e calcinhas das vítimas, pegou a calça de malhação da mãe, deu um nó nas pernas delas. Passou a mão nas partes íntimas da mãe, puxou o cabelo da menor e espancou muito elas. Depois, ele disse que desistiu de estuprá-las e ficou apenas o desejo de matar, até mesmo pra se proteger”, relatou. Em seguida, o indivíduo utilizou um tijolo para matar as mulheres. O delegado informou que o acusado será indiciado pelos crimes de homicídio qualificado, tentativa de ocultação de cadáver e estupro, que também se caracteriza no caso pelas vítimas terem sido molestadas enquanto estavam imobilizadas. O homem também é suspeito de outros crimes sexuais praticados na cidade

Fonte: Achei Sudoeste / Foto: WhatsApp

Artigos relacionados