Governo de SP anuncia restrições ao comércio e suspende eventos religiosos e campeonatos esportivos

Governo de SP anuncia restrições ao comércio e suspende eventos religiosos e campeonatos esportivos

Haverá toque de recolher das 20h às 5h.

Retirada de produtos e refeições será proibida; delivery continua. Lojas de material de construção vão fechar.

Recesso escolar foi antecipado na rede pública de ensino.

Teletrabalho será obrigatório para atividades administrativas não essenciais.

Medidas atingem mais 14 atividades e têm como objetivo tirar 4 milhões de pessoas de circulação.
Educação:

Na rede pública, o governo decidiu antecipar o recesso escolar de abril e outubro para o período de 15 a 28 de março.

As unidades ficarão abertas apenas para oferta de merenda e distribuição de material, que deverá ser feita por meio de agendamento prévio.

Rede particular

O governo recomendou que a prioridade seja para o ensino remoto, mas permitiu que a rede particular opere com 35% da capacidade.
Governo de SP anuncia aumento de medidas restritivas para mais 14 atividades para que mais 4 milhões de pessoas deixem de circular.

medidas atingem:

– lojas de materias de construção

-templos e igrejas

– atividades esportivas

Há 39 minutos
Secretário de Saúde afirma que há mais de 9 mil pacientes internados em unidades de terapia intensiva e que metade tem menos de 50 anos.

Há 45 minutos
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O governo de SP deve anunciar hoje medidas mais rígidas para conter a pandemia. Mais cedo, o governador João Doria disse em um vídeo postado nas redes sociais que irá adotar medidas restritivas e “impopulares”.

A previsão é de que sejam suspensos a liberação para cultos religiosos e os campeonatos esportivos. O governo também deve determinar o fechamento das escolas.

Desde o último sábado (6), todo o estado está na fase vermelha, considerada até então a mais restritiva pelo Plano SP.

Fonte: G1

Artigos relacionados