Bahia

Com perda de 50% nos salários, servidores públicos da Bahia realizam paralisação

Há cerca de dois meses, a Seção sindical dos docentes da Universidade do Estado da Bahia (Aduneb) vem construindo um movimento que unifica os professores, servidores e servidoras públicas da Bahia com o objetivo de sensibilizar o governo para as demandas da categoria. Ao site Achei Sudoeste, o professor Clóvis Piau, que está à frente da Aduneb, disse que os servidores estão ganhando 50% a menos nos seus salários. “Nosso poder de compra diminuiu pela metade. Temos nossas obrigações que precisam ser quitadas e a forma como estamos recebendo nossos proventos não está nos permitindo viver minimamente dentro daquilo que consideramos necessário”, afirmou. Diante das perdas, os servidores realizaram uma paralisação nesta quinta-feira (18). Piau ressaltou que a ideia dessa grande mobilização, que reúne sindicatos e servidores públicos de diversos segmentos, é chamar a atenção do governo do estado para dois pontos principais: a proposta de recomposição salarial e a precariedade do serviço do Planserv (plano de saúde da categoria). Clóvis apontou que as reivindicações estão diretamente relacionadas à valorização dos servidores. “O governo abriu para o diálogo, mas a negociação ainda está pendente”, falou. Caso as demandas não sejam atendidas, novas paralisações serão realizadas na Bahia.

Fonte : Achei Sudoeste

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo