Brasil

Acessibilidade: Eleitores com deficiência visual poderão ouvir nome de candidato na urna

Com o objetivo de ampliar a acessibilidade, este ano, pela primeira vez na história das eleições brasileiras, os cidadãos com deficiência visual poderão ouvir o nome do candidato ao digitar o número correspondente na urna eletrônica.

De acordo com informações da Agência Brasil, isso é possível graças ao recurso de sintetização de voz, tecnologia que transforma texto em som, como se uma pessoa estivesse lendo o conteúdo de algum documento.

Segundo Rodrigo Coimbra, chefe da Seção de Voto Informatizado da Secretaria de Tecnologia da Informação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a ferramenta foi desenvolvida a partir de pesquisas. Ele explica que depois do descarte de urnas antigas, dos modelos 2006 e 2008, o tribunal teve condições técnicas para implementar a sintetização de voz nas eleições de 2020. De acordo com TSE, a tecnologia não gerou custos, já que é baseada em software livre.

Durante a votação, o eleitor precisa informar ao mesário sobre a deficiência visual, para que o colaborador da Justiça Eleitoral habilite o recurso e entregue os fones de ouvido, ítem necessário para garantir o sigilo do voto.

Fonte: Bahia Noticia

Para cima